• Frete grátis em compras acima de R$150,00
  • Em até 6x sem juros no cartão*
Ícone sacola
0
Seu carrinho está vazioSeu carrinho está Vazio
  • Copacabana
Copacabana

Copacabana

A trajetória do samba-canção (1929-1958)
Ref: 97885732668321
Avalie o Produto
R$ 104,00
Em até 5x sem juros
Pix
R$ 100,88
-3%
no PIX
Não sei o meu CEP
Produto indisponível!Podemos avisar você quando estiver disponível?

Descrição do produto

Novo livro de Zuza Homem de Mello, fruto de mais de dez anos de pesquisas, Copacabana documenta a história completa de um dos gêneros mais importantes da nossa música: o samba-canção. Desde seu surgimento no teatro de revista, com o sucesso da gravação de “Linda flor”, por Aracy Cortes, em 1929, até o advento da bossa nova em 1958, o samba-canção foi um dos gêneros preferidos de compositores da estirpe de Ary Barroso, Caymmi, Cartola, Lupicínio, Tom Jobim e até mesmo Noel Rosa, cuja obra, como demonstra Zuza, inclui várias composições que na verdade já eram legítimos sambas-canção.

Com o fechamento dos cassinos em 1946, boa parte do meio artístico da então capital federal migrou para boates e clubes noturnos, que se concentraram especialmente em Copacabana, bairro-ícone do Rio de Janeiro. Entre 1946 e 1958 o samba-canção foi o gênero de maior sucesso da música brasileira. Com seu cativante ritmo, propício para se dançar colado ao parceiro, e sua temática romântica, ele invadiu a noite carioca e conquistou o país nas vozes de intérpretes como Linda Batista, Dick Farney, Dalva de Oliveira, Nora Ney, Elizeth Cardoso, Dolores Duran e Maysa ― as duas últimas também excelentes compositoras. Ao mesmo tempo que o samba-canção cultivava harmonias mais sofisticadas e modulações, que abriram caminho para a bossa nova, ele tinha também uma vertente extremamente popular, com campeões de vendas como Angela Maria, Nelson Gonçalves e Cauby Peixoto.

Estudo amplo, profundo e fartamente ilustrado, este livro tem mais uma qualidade essencial: ele nos faz reviver uma época áurea do Rio de Janeiro, guiados pelo texto vibrante e caloroso do autor, um dos maiores conhecedores de música em nosso país.

 

SOBRE O AUTOR

Zuza Homem de Mello nasceu em São Paulo, em 1933. Iniciou-se no jornalismo em 1956, assinando uma coluna de jazz semanal para a Folha da Noite. Após um período de estudos em Nova York, voltou ao Brasil e ingressou na TV Record, onde permaneceu por cerca de dez anos trabalhando como engenheiro de som e atuando como booker na contratação de atrações internacionais. Entre 1977 e 1988 produziu e apresentou no rádio o premiado Programa do Zuza. Trabalha também como diretor artístico de shows e festivais e já produziu discos de Jacob do Bandolim e Elis Regina, entre outros. Colabora regularmente com os jornais O Estado de S. Paulo, Valor Econômico e Folha de S. Paulo, e apresenta semanalmente o programa Playlist do Zuza na Rádio USP, retransmitido pela Rádio MEC e pela Rádio Batuta do Instituto Moreira Salles. É autor dos livros Música popular brasileira cantada e contada... (Melhoramentos, 1976, relançado pela WMF Martins Fontes em 2008 com o título Eis aqui os bossa-nova), A canção no tempo, dois volumes em coautoria com Jairo Severiano (Editora 34, 1997-98), João Gilberto (Publifolha, 2001), A Era dos Festivais (Editora 34, 2003), Música nas veias (Editora 34, 2007) e Música com Z (Editora 34, 2014, vencedor do Prêmio APCA).

Características

Características Gerais

ISBN
9788573266832
Número de Páginas
512
Idioma
Português
Editora
Editora 34
Autor
Zuza Homem de Mello
Edição
Gênero
Música
Acabamento
Capa comum
Ano da Edição
2017
Dimensões
23 x 15.6 x 3 cm

Produtos Relacionados

Avaliações do produto

Ei, esse produto ainda não foi avaliado!

Conte para todos o que você achou dele.

Cookies
X

Este site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar navegando, você aceita nossa Política de Privacidade.